X

Filtros de Seringas - Americana (SP)

O uso de filtros seringas é bastante comum por possibilitar a remoção de partículas de uma amostra a partir da seringa utilizada no processo, antes da análise pela CLAE (cromatografia líquida de alta eficiência) ou por outros métodos que requerem a filtragem das substâncias.

Ao serem utilizados para separar substâncias, os filtros seringas permitem que as amostras sejam purificadas e possam ser analisadas e manipuladas com maior precisão e eficiência, o que contribui, por exemplo, para análises de laboratórios industriais e de pesquisa.

Os filtros seringas são disponibilizados no mercado em modelos diversificados e devem ser adquiridos em conformidade com a necessidade de cada processo analítico. É fundamental que a estrutura dos filtros seja composta por um material de qualidade elevada a fim de se mostrar resistente durante o processo de filtragem. Entre os materiais que podem ser utilizados para a fabricação deste acessório laboratorial estão o polipropileno (PP), o poliestireno cristal (GPPS) e o copolímero acrílico (AC). Também é imprescindível que os filtros seringas possuam alta pureza, a fim de não adulterarem as amostras e prejudicarem o processo analítico.

Mais Produtos da Supra Diagnósticos

Fale Conosco

Código
Compartilhe nas redes sociais
Fale com a gente!